Exame Nacional de Acesso ao Profmat 2022

A SBM – Sociedade Brasileira de Matemática e Comissão Nacional Acadêmica do Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional (Profmat) divulgaram o edital para realização do Exame Nacional de Acesso para ingresso no Mestrado em 2022. Nesta edição, estão sendo ofertadas 1.400 vagas distribuídas em 77 Instituições Associadas.

As inscrições terão início no dia 08 de setembro de 2021 . Elas poderão ser feitas até as 17 horas (horário de Brasília-DF) do dia 25 de outubro 2021.

O Profmat tem como objetivo atender prioritariamente professores de Matemática em exercício na Educação Básica, especialmente de escolas públicas, que busquem aprimoramento em sua formação profissional, com ênfase no domínio aprofundado de conteúdo matemático relevante para sua docência.

Confira mais informações em www.profmat-sbm.org.br.

Comunicado

A ANPMat comunica que no mês de maio de 2021 a professora Priscilla Guez Rabelo foi desligada a pedido da própria de suas funções da diretoria da ANPMat. Priscilla já contribuiu em gestões anteriores como vice-presidente e na atual gestão exercia a função de secretária. No mês de junho do mesmo ano o professor Gilmar José Fava foi indicado pelo conselho diretor (conforme estatuto da associação) para ocupar o cargo vago na diretoria.
Para saber mais sobre o professor Gilmar, clique aqui.

Entrevista com o Secretário Regional da ANPMat da Região Nordeste Prof. Odimógenes Soares Lopes

1- Fale um pouco sobre sua formação, trajetória e atuação no Ensino de Matemática.

Graduado em Licenciatura Plena em Matemática pela Universidade Estadual do Piauí (2001), Especialização em Administração Escolar pela Universidade Cândido Mendes (2003) e Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática pela Universidade Luterana do Brasil (2009). Atualmente é professor titular do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí (IFPI) – Campus Floriano, com atuação em disciplinas do curso de Formação de Professores de Matemática.  Foi coordenador Institucional do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID/IFPI 2011) no período de 2011 e 2012 e atualmente é coordenador do Curso de Aperfeiçoamento de Professores de Matemática do Ensino Médio (CAPMEM), vice-coordenador do Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional (PROFMAT) e Diretor-geral do IFPI – Campus Floriano.

2- Como você vê a importância da atuação da ANPMat no atual cenário?

A ANPMat é uma organização de suma importância para disseminação de boas práticas, práticas inovadoras e experiências exitosas em ensino de Matemática, bem como de apoio aos professores de Matemática de nosso país, por meio da realização de eventos regionais e nacional que possibilitam a formação continuada em docência de Matemática.

3- Na sua opinião, o que podemos fazer para melhorar o ensino de Matemática na Educação básica do Brasil?

Trata-se de uma questão de difícil análise, mas, em sentido amplo, precisamos de mais investimento na Educação Básica em Escolas de Tempo Integral e foco na melhoria da formação dos professores de Matemática desde a formação inicial, além da valorização de professor, de modo geral.

Assim,  poderemos ter mais investimentos e incentivos em bons programas e projetos como a OBMEP e o PROFMAT, que contribuem de sobremaneira com a melhoria do ensino de Matemática na educação básica em nosso país.

4- Como foi (ou está sendo) a sua experiência com o PROFMAT? O que mudou na sua vida com o PROFMAT?

Eu não sou egresso do PROFMAT, mas agora estou ministrando a disciplina Matemática Discreta, em parceria com o professor Ronaldo Campelo, e a experiência tem sido muito enriquecedora, uma troca de conhecimento entre professores, pois, ao passo que ensino, também aprendo com os nossos discentes.

5- Na sua opinião, quais as influências positivas do PROFMAT na formação do professor da educação básica?

Sem dúvidas, o PROFMAT tem contribuído significativamente para a formação do professor de Matemática da educação básica, pois o professor tem oportunidade de aprofundar seus conhecimentos em importantes temas do ensino fundamental e médio ao mesmo tempo em que oportuniza a esse mesmo professor refletir sobre sua prática e construir conhecimento relacionado ao ensino de Matemática durante a produção de sua dissertação.

6- Como está sendo a sua experiência com as aulas e atividades on-line? Alguma dica que considera interessante para o ensino remoto?

Tive uma experiência com a disciplina Matemática Discreta no PROFMAT que  me oportunizou conhecer e utilizar novas tecnologias, tais como a lousa digital e o Google Meet, ferramentas que diminuem a distância entre professor e alunos.